Saturno, o Planeta do Karma

Saturno, o Planeta do Karma

Tempo de leitura: 2 minutos

Representado pelo deus do tempo, Saturno é o senhor do Karma e da sabedoria que vem com a experiência

Saturno não facilita as coisas. Esse é o papel do capataz do zodíaco. Saturno nos ordena a trabalhar e é trabalhar arduamente. Disciplina e responsabilidade são importantes para este planeta, mas se estamos ansiosos para conquistar o mundo, tudo bem também.

Muito parecido com o Pai Tempo, Saturno nos implora a olhar para o relógio (seu glifo, afinal, é a foice de Chronos, o Deus do Tempo). Há tempo para tudo o que queremos fazer ou há limites? Essas limitações são importantes para Saturno e devemos aprender a administrá-las. Restrições são a província deste planeta, assim como qualquer forma de disciplina ou atraso.

De acordo com a passagem do tempo, Saturno governa a velhice junto com as lições que ela nos ensina. Aprender lições da vida é fundamental para este planeta, de acordo com o seu papel como professor. A majestade da velhice também traz consigo certo senso de tradição, convencionalidade (nossos padrões de comportamento aprendidos) e sabedoria, e Saturno está atento a essas características. Este planeta aplaude a nossa perseverança e o fato de que resistimos ao teste do tempo (sim, o tempo surge mais uma vez). Este status sênior também traz uma medida de autoridade, e Saturno também domina isso.

Estrutura, ordem e o modo como conduzimos nossos negócios são todos regidos por esse planeta. A contração e o refino dos ativos também são importantes aqui. Por último, Saturno, novamente em seu papel de professor, se ocupa com o karma e as lições que as experiências passadas podem trazer.

Saturno leva de 28 a 30 anos para completar sua órbita do zodíaco. É energia masculina e rege Capricórnio e Aquário, e a Décima e Décima Primeira Casa.

Confira também a influência dos outros astros do nosso sistema solar na astrologia

SolLuaMercúrioVênusMarteJúpiterSaturnoUranoNetunoPlutão