A Astrologia e a Quaresma

A Astrologia e a Quaresma

Tempo de leitura: 3 minutos

quaresma 2020

Após o Carnaval, começa a Quaresma, período de resguardo físico e espiritual, que nos remete ao acolhimento de nossa espiritualidade em detrimento de algumas restrições “mundanas”.

Para quem já começou a vivenciar a Quaresma desde o primeiro momento, é típico criar “jejuns” não necessariamente de comida, mas de coisas que possamos abrir mão de forma que aquele período seja considerado Consagrado, como que uma espécie de desafio em prol de alcançar um alinhamento da nossa carne com o nosso eu espiritual.

Para quem ainda não começou, não é tarde demais e é fundamental que este período seja consciente e que se encontre tempo para refletir cada um dos seus “jejuns” escolhidos, tendo em mente os seus porquês e o que cada um deles vai significar e, ao fim do período, reavaliar como você entrou e como você saiu da Quaresma também ajudam muito na autoconsciência.

Abaixo, um texto de 2018, traduzido dos escritos de Dikki Jo Mullen, mas que é bem atual ainda hoje:

Sabedoria Astrológica e Orientação Espiritual para a Quaresma

Quarta-feira, 14 de fevereiro – sábado de Páscoa, 31 de março de 2018

por Dikki Jo Mullen

Celebrando os estágios da Quaresma para bruxas e astrólogos …

Os cinco estágios da Quaresma são auto-exame, controle da fala, compreensão intuitiva, modéstia e refresco espiritual. Eles são realmente a jornada astrológica de um observador de estrelas em direção a uma consciência mais alta. Os estágios refletem as mensagens dos luminares (Sol e Lua), além dos planetas pessoais, Mercúrio, Vênus e Marte. 

Enquanto o ano zodiacal diminui, durante as semanas anteriores à Páscoa/Ostara e ao equinócio de primavera, prepare-se para a primavera e o novo ano astrológico.

Revise essas importantes colocações planetárias em seu próprio mapa de nascimento.

1) Auto-exame – O Sol –

O familiar sinal de nascimento, o caminho da Terra ao redor do Sol, é o ponto mais importante do horóscopo natal. Representa o ego, senso de identidade.

2) Controle da fala – Mercúrio –

Às vezes o silêncio é a única resposta apropriada para uma situação desafiadora. Pode ser melhor dizer menos do que mais, uma voz silenciosa é reconfortante, até melodiosa. Ainda assim, é essencial falar quando necessário.

3) Compreensão Intuitiva – A Lua –

Em um conflito entre a cabeça e o coração, os sábios dizem que sempre seguem o coração.

4) Modéstia, Criatividade – Vênus –

É importante reconhecer o melhor uso do tempo e dos talentos. Modéstia, tradicionalmente ligada à humildade, significa realmente adquirir uma perspectiva de serviço amoroso. Trabalho é amor tornado visível, como escreveu Kahil Gibran.

Não alimente a culpa e tente focar no desafio

Caso você acabe não conseguindo seguir os 40 dias conforme planejado e, por algum motivo, fure seus “jejuns” ou descumpra alguma das fases, calma.

A ideia aqui não é a de se afundar em culpas, mas a de entender onde as falhas surgem e tentar evita-las nas próximas vezes.

Recomece de onde parou sem ficar amargando a culpa e foque-se ainda mais para chegar até o fim, se possível, sem mais escorregões.

Lembre-se que é um momento de purificação espiritual através de desafios físicos e mentais e não de autopunições e sofrimento vingativo.

Esteja pronta para aceitar-se como humana que erra, mas que não se afunda nos erros, porque foca em continuar e acertar cada vez mais.